Nossa equipe no Brasil

Fechar

Ana Addobbati iniciou sua carreira em 2005 como repórter de Direitos Humanos, migrando em 2008 para o mundo Corporativo, tendo trabalhado na Natura Co., onde uma de suas missões era coordenar o principal programa de Responsabilidade Social Corporativa, que arrecada recursos para apoiar a Educação Pública. Em 2017, ela cofundou a Women Friendly, iniciativa que utiliza a educação para o combate ao assédio sexual dentro de organizações, tendo impactado 120 mil pessoas no Brasil. Também faz parte da Civicus Aliança pela Participação Cidadã, onde é membro do Conselho de Administração, tendo integrado grupos de trabalho para a promoção da diversidade e inclusão nas organizações e inovação no processo de financiamento de organizações sociais.

Sou apaixonada pela Viven, porque ...
Como ativista contra o racismo e a violência de gênero e falando constantemente com adultos, vejo claramente como é urgente ter uma geração onde a empatia e a inclusão sejam duas temáticas fundamentais para conversar com nossos jovens, principalmente, em um mundo global onde devem existir pontes. A Viven usa a melhor metodologia para alcançar esse objetivo e formar os líderes que precisamos.

Fechar

Camila é apaixonada por Educação. Ela focou sua carreira professional na implementação de políticas sociais e educacionais no setor público, quando trabalhou como Coordenadora de Programas de Transferência de Renda e como Assessora Técnica Especial da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo. É doutora em Administração Pública e Governo pela Fundação Getúlio Vargas/SP com intercâmbio no Lemann Center da Universidade de Stanford, mestre em Políticas Sociais e do Trabalho e Bacharel em Economia, ambos pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Sou apaixonada pela Viven, porque ...
O desenvolvimento das capacidades sociais dos nossos jovens é a melhor maneira de prepará-los para enfrentar os desafios da sociedade contemporânea e para promover as mudanças sociais necessárias para uma sociedade mais justa.

Fechar

Luiza é formada em ciências sociais pela Unicamp e tem trabalhado com educação não-formal e facilitação de formações voltadas para formação cidadã, a luta por direitos e a formação de lideranças de associações e grupos organizados. Foi professora na rede estadual de educação e trabalhou com metodologias participativas em planos municipais.

Sou apaixonada pela Viven, porque ...
Sua maneira de responder às necessidades de escolas e organizações no desenvolvimento das habilidades sociais dos jovens. No Brasil há uma grande possibilidade de inovar e alavancar os recursos coletivos, e nosso trabalho nos permite motivar os jovens nesse sentido.

Fechar

Céu Mendonça é formada em Comunicação Social com linha de formação em Educomunicação, artista visual, arte-educadora e artesã. Compõe também a Coletiva Aroeira de Povos de Terreiro, onde integra a luta pelos direitos dos povos de terreiro.

Sou apaixonado pela Viven, porque ...
Acredito no potencial de mudança que carrega a juventude e a Viven propõe justamente que os jovens se coloquem em movimento, exercendo protagonismo social e colaborando com a construção de um futuro mais justo para todos.

Fechar

Isabela Abreu é formada em Letras pela UFMG e é, sobretudo, uma educadora. Sua trajetória no nicho educacional vai desde a educação museal, passando por educação não formal, até a atuação no chão de escola pública da periferia no Brasil profundo. Seja desenvolvendo projetos por uma educação pelos Direitos Humanos ou colaborando na criação de circuitos museais de valorização da História e Cultura afro-brasileira, ela acredita que uma educação para mudança social é a chave para equidade.

Sou apaixonada pela Viven, porque ...
creio que temos uma crença muito forte em comum, a de que a juventude é potência pura para um novo amanhã. Uma educação cidadã que tem como base o desejo do protagonismo juvenil na mudança social é um propósito que a Viven e eu partilhamos.

Fechar

Lina é formada em Administração de Empresas pela FGV, mas trabalha como artista fazendo esculturas há mais de 12 anos. Em 2011, co-fundou a PARTE Feira de Arte Contemporânea, uma feira de arte que tem o objetivo de apresentar novos artistas e ser a ponte entre os novos amantes da arte e o mundo da arte. Em novembro de 2018, a PARTE recebeu mais de 12.000 visitantes e 45 galerias. Lina acredita nas ideias fundamentais da Viven e está empenhada em fazer algumas mudanças no sistema educacional brasileiro.

Sou apaixonada pela Viven, porque ...
Capacitar os jovens a enfrentar os desafios de um mundo cada vez mais complicado em questões como racismo, preconceito e muito mais me ajudam a acreditar em um mundo melhor no futuro.

Fechar

Eduardo (Dado) está profundamente envolvido na Educação. Ele é co-fundador e ex-CEO da Ibmec Educacional e em uma série de faculdades com mais de 20.000 estudantes. Ele também é um investidor anjo em várias start-ups de educação e empreendimentos de educação no Brasil e nos EUA. Membro do conselho da Universidade de Tel Aviv e de outras organizações, como empresas de capital aberto no Brasil. Eduardo é formado pela Universidade de São Paulo e Universidade de Illinois em Urbana-Champaign e é Henry Crown Fellow no Aspen Institute.

Sou apaixonado pela Viven, porque ...
Como você pode não ser? Como não se apaixonar por capacitar os jovens a enfrentar os desafios de um mundo cada vez mais complicado em questões como racismo, preconceito e muito mais?

Viven | Cidadãos para uma amanhã melhor by High Resolves | Termos de Uso - Política de Privacidade.